Central de Atendimento (Seg a Sex - 9h às 18h)

(11) 3104-1023

96607-9578

Comitê Técnico de Auditoria

Vinculado à Diretoria de Assuntos Profissionais TCM, o Comitê Técnico de Auditoria tem como objetivo fortalecer a Carreira de Auditor do Tribunal de Contas do Município, construindo a independência da função de auditoria.

O objetivo nesta seção é divulgar os relatórios de auditoria e outros documentos de defesa da carreira de auditor.

A independência dos auditores é emancipatória. Aproxima as categorias e constrói a solidariedade entre os servidores dos Tribunais de Contas.

Aperfeiçoa o sistema. Ganha a sociedade! Ganham os servidores!

Confira as publicações

Artigo sobre a independência da função de auditoria

A Independência da Função de Auditoria e a necessidade de um Conselho Superior de Auditoria.

Por Romano Scapin – Auditor Público Externo do TCE-RS

Clique aqui e acesse a cartilha na íntegra

Compartilhar

Artigo sobre a independência da auditoria de controle externo

Escritos pelo auditores Amauri Perusso (presidente da Fenastc), Josué Martins (presidente do Ceape) e Romano Scapin (diretor administrativo do Ceape).

Clique aqui e acesse a cartilha na íntegra

Compartilhar

Nota Técnica FENASTC

Nota Técnica da Fenastc referente à Independência da Auditoria.

Clique aqui e acesse a cartilha na íntegra

Compartilhar

XXV CONGRESSO DA FENASTC

Apresentação realizada no XXV CONGRESSO da FENASTC tratando da independência da Auditoria.

Clique aqui e acesse a cartilha na íntegra

Compartilhar

Sindilex elabora documento que esclarece a função da auditoria externa

Como fruto de um extenso processo de reflexões e discussões acerca do papel do profissional da Auditoria no âmbito do TCM, o SINDILEX publica documento norteador que trata do papel dos Agentes de Fiscalização, que exercem a função de Auditores do Controle Externo no Município de São Paulo.

Esse documento tem como base toda a legislação, as normas que regulamentam a atividade dos Auditores, as recomendações da FENASTC sobre a “Carreira de Auditoria de Controle Externo”, apresentando também alguns diagnósticos acerca das circunstâncias de trabalho enfrentadas tanto nas áreas auditadas quanto no próprio TCM.

São enfatizados vários aspectos relevantes, como a necessária independência profissional dos membros dessa carreira, assegurada nas normas de Auditoria Governamental. É apresentado também um panorama da situação atual no TCM, que se mostra preocupante, dada o número cada vez menor de Auditores, frente ao crescimento constante do Orçamento da Prefeitura de São Paulo.

A ideia geral do documento é enfatizar a importância da Auditoria Governamental e sua relevância para o controle das atividades públicas, ou seja, trata-se de uma atividade profissional indispensável, dentro de um modelo democrático de governança.

Dessa forma, o SINDILEX procura contribuir para dar visibilidade a essa importante carreira profissional, ao mesmo tempo em que demonstra sua preocupação com diversas circunstâncias que têm um impacto negativo sobre o desempenho dos Auditores do TCM.

Confira documento:

pdf-download

Prerrogativas Controle Externo

 

Compartilhar